Tensores completos: tipos e funções

Peças de reposição - 05/04/2022

Através de uma série de ações combinadas, o tensor completo tem o objetivo de manter a corrente com a tensão correta em esteiras pequenas, médias e grandes.

No primeiro artigo de aprofundamento sobre tensores completos, analisamos os tipos, as funções e os componentes desta parte essencial das máquinas de terraplanagem.

Em máquinas de terraplanagem sobre esteiras de diferentes tamanhos, o tensor completo desempenha um papel fundamental: manter a corrente sob a tensão correta. É, portanto, um elemento indispensável para o funcionamento correto da máquina. Antes de entrarmos nos detalhes de suas funções, vamos ver quais são os elementos que o compõem. Os principais são:

  • O garfo (ou travessa): atua como conexão entre a roda e os outros elementos;

  • O grupo de mola: pré-carregado, atua como proteção contra sobrecarga devido a fatores externos (por exemplo, absorvendo os choques e contra balançando as irregularidades do terreno);

  • O tensor completo: utilizado para regular corretamente a esteira e conferir o tensionamento certo à corrente. Por sua vez, é constituído por um cilindro lubrificado. Pode ser externo ou integrado na mola, com todos os prós e contras da situação específica.

 

As funções do tensor completo

Para poder executar sua tarefa da maneira mais correta dentro da máquina de terraplanagem, o grupo tensor é projetado para executar uma série de funções indispensáveis. Em detalhe:

  • Exerce uma ação de flexão orientando ao mesmo tempo a esteira através dos suportes deslizantes e da roda;

  • Pré-tensiona a corrente permitindo um ajuste simples e robusto da tensão da corrente;

  • Protege o material rodante da máquina contra sobrecargas externas; 

  • Garante segurança na absorção dos choques.

 

Quais são os tipos de tensor completo

Apesar de, na prática, desempenharem a mesma função, não existe um só tipo de tensor completo. Conforme a disposição de seus componentes e do tipo de esteira, existem dois tipos principais de tensor completo. Vejamos melhor quais são e o que os distingue.

 

1. Tensor completo dianteiro com tensor separado

 

Tensor completo dianteiro com tensor separado

 

2. Tensor completo dianteiro com tensor integrado

 

Tensor completo dianteiro com tensor integrado

 

O rolo do grupo de mola e do tensor hidráulico 

Como vimos no início do artigo, o grupo de mola e o grupo tensor são dois componentes essenciais do tensor completo. Cada um exerce uma função específica.

A mola absorve os choques aplicados na roda guia dianteira quando a máquina entra em contato com um obstáculo. Para além disso, corrige a tensão da corrente graças à injeção de graxa no cilindro através da válvula de controle que move para a frente o grupo de mola através de pressão hidráulica.

Em sentido contrário, fazendo sair graxa pela mesma válvula, recua o grupo de mola e reduz a tensão da corrente. O grupo de mola é carregado principalmente quando a máquina está em marcha à ré.

O tirante, ou seja, o grupo tensor hidráulico, mantém a mola e o corpo cilíndrico (manga) juntos. Dessa forma, mantém a mola constantemente pré-carregada. É um componente caracterizado por uma elevada resistência porque, quando a mola é comprimida, ela recebe uma carga maior do que a pré-carga da própria mola.

Geralmente, o grupo de mola e o grupo tensor podem ser constituídos pelos seguintes componentes:

  1. Mola

  2. Cilindro

  3. Pistão

  4. Tirante

  5. Flange

  6. Retenção

  7. Raspador de óleo

  8. Porca

Essa é sua disposição normal:

 

Grupo de mola

 

Grupo de mola ITR

 

 

Grupo tensor hidráulico

 

 

Grupo tensor hidraulico ITR 1

 

Grupo de mola com tensor integrado

 

Grupo de mola com tensor integrado ITR2

 

 

No próximo artigo falaremos em maior detalhe sobre o grupo de mola. 

 

Você gostaria de descobrir os tensores completos ITR?

Entre em contato conosco para obter mais informações sobre nossa gama e suas características!

 

Escreva para o autor
loading

Any manufacturers’ names, brand or product names, trademarks, part numbers, symbols, drawings, images, colours and descriptions appearing in this document are for reference purposes only, and it is not implied that any part listed is the product of these manufacturers. All trademarks and registered trademarks mentioned are the property of their respective owners.

Read also
Peças de reposição
Rutura dos cremalheira: por que acontece e como evitá-lo

O cremalhiera é utilizado em máquinas onde a cabine gira em relação ao chassi inferior para permitir...


Read more

Peças de reposição
Bombas ITR: alto desempenho e confiabilidade

Com uma capacidade de produção anual de 60 mil bombas, incluindo bombas de óleo de motor ou transmis...


Read more

Peças de reposição
Motorredutores: guia de substituição

O reparo de um motorredutor exige uma mão de obra cara e é uma operação demorada e complexa. Em caso...


Read more

Apaixonado de máquinas de terraplanagem?

Compartilharemos com você nosso know-how, melhores práticas e fatos interessantes sobre o mercado e a rede global ITR. Junte-se à comunidade do grupo USCO ITR!

Sua privacidade está protegida. Não fazemos spam.

* Autorização para o tratamento dos dados de acordo com o art. 7.º do Regulamento UE n.º 679/2016